Viajar com a babá? Veja aqui como fazer

Índice

Mãe dentro do avião com uma criança no colo.

Viajar com a babá pode ser uma ótima alternativa para aquelas famílias que querem curtir o passeio sem grandes preocupações. Confira!

A babá é uma figura essencial no dia a dia de mamães ocupadas. Mas, nas férias, também pode continuar sendo! 

Embora as férias sejam um momento de descontração, onde os pais aproveitam para interagir ainda mais com as crianças, não dá para negar que contar com ajuda é muito bom. 

Afinal de contas, os filhos dão muita alegria…e trabalho.  E você também tem direito a um descanso relaxante para retornar à jornada do dia a dia renovada. São suas férias, não é? 

Não dá para negar que contar com uma babá durante a viagem faz com que tudo seja mais fácil! 

Se você quer levar quem te ajuda no cuidado de seus filhos na próxima viagem, precisa conhecer os direitos da babá que viaja com a família! 

Por isso, preparamos esse artigo, que traz tudo o que você precisa saber sobre viajar com a babá

Neste artigo você entenderá: 

  • Se a babá pode viajar com a família;
  • Quanto a babá deve receber na viagem;
  • Direitos da babá que viaja com a família;
  • Dicas para viajar com a babá. 

Leia até o final e descubra tudo sobre viajar com a babá!

precisa contratar babá? 

Babá pode viajar com a família? 

Sim, a babá pode viajar com a família. Mas, é preciso que exista consenso sobre isso, seja especificando no contrato de trabalho (para quem sempre precisa do serviço) ou acertando o assunto com a babá quando a necessidade surgir. 

A legislação que regulamenta a atividade das babás (Lei Complementar nº 150, de 2015) fala sobre essa possibilidade. No entanto, alguns pontos devem ser observados: 

  • O empregador deverá arcar com os custos da viagem;
  • As horas trabalhadas na viagem terão 25% de acréscimo em seu valor;
  • É preciso respeitar os horários de descanso da babá;
  • Direitos como adicional noturno e horas extras devem ser pagos. 

Os direitos que a babá tem por lei devem ser respeitados. Mas, eles não são tudo o que deve ser pensado para a viagem: a rotina muda, e é preciso pensar em como funcionarão horas de trabalho e descanso e outros assuntos. 

A primeira coisa a conhecer é o que diz a legislação: os direitos da babá que acompanha em viagens.  

Direitos da babá que acompanha em viagens

A babá que acompanha a família em viagens tem direito à: 

  • Adicional de 25% sobre horas trabalhadas na viagem;
  • Adicional noturno, caso ela trabalhe entre as 22h e as 06h;
  • Horas extras, caso existam;
  • Passagens, traslados e alimentação.

Vamos ver como funciona tudo isso? 

Adicional de viagem

Levar sua babá em viagens aumenta o valor por hora trabalhada em 25%. Assim, uma babá que ganha R$ 10 por hora, receberá R$ 12,50 por horas trabalhadas em viagens. 

Esse adicional pode ser convertido em horas de folga, utilizando o sistema de banco de horas previsto em legislação, mas apenas se houver um acordo sobre isso entre você e a babá. 

Na prática, se a babá trabalhar 20 horas na viagem, terá direito a 25 horas de descanso em compensação. 

Adicional Noturno

Outro detalhe muito importante e necessário a se considerar é o adicional noturno ao viajar com a babá. Esse direito está previsto em lei desde 2015, e garante um pagamento extra de 20% sobre o valor da hora trabalhada em viagens.

É importante lembrar que o adicional noturno só é devido quando a babá trabalha entre as 22h e as 06h da manhã seguinte. 

O cálculo de adicional noturno da babá durante a viagem é calculado da seguinte forma: 

Salário por hora + 25% (adicional de viagem) 

Resultado da soma + 20% (adicional noturno)

Então, se a babá ganha aqueles R$ 10 por hora que usamos como exemplo, o cálculo será: 

R$ 10 + R$ 2,50 = R$ 12,50 (hora de viagem)

R$ 12,50 + R$ 2,50 = R$ 15 (valor por hora noturna em viagens)

Vale destacar que o adicional noturno diz respeito às horas noturnas trabalhadas e não as horas extras noturnas. Vamos falar disso agora. 

Horas extras

A jornada da babá pode ser de até 8 horas diárias, somando um máximo de 44 horas semanais. Exceto em escala 12X36, claro, mas isso é previsto no contrato de trabalho. 

O que sobrepassa essa jornada máxima são horas extras, também quando a babá trabalha nas férias familiares. 

Do mesmo modo que quando se está em casa, a lei permite que a babá faça somente 2 horas extras por dia, o que quer dizer que ela não estará de serviço 24 horas em nenhuma hipótese.

As horas extras são pagas com acréscimo de 50%, somado sobre o valor de hora com os outros adicionais que caibam. 

Assim, para horas extras trabalhadas entre as 06:01h e as 21:59h, o cálculo seria: 

R$ 10 (valor hora normal) + R$ 2,50 (25% adicional de viagem) = R$ 12,50

R$ 12,50 (valor hora viagem) + R$ 6,25 (50% adicional hora extra) = R$ 18,75 (valor hora extra diurna em viagem)

Quanto às horas noturnas, precisamos somar o adicional noturno também. Seguindo com o mesmo exemplo, o cálculo ficaria: 

R$ 12,50 (hora viagem) + R$ 2,50 (adicional noturno) = R$ 15 (hora noturna em viagem)

R$ 15 (hora noturna em viagem) + R$ 7,50 (50% adicional hora extra) = R$ 22,50 (hora extra noturna em viagem)

Como você percebeu, sempre fazemos o cálculo parte a parte. Não vale somar todos os percentuais de uma vez, segundo a legislação. 

Isso alteraria o resultado final, prejudicando a babá. E pode dar processo trabalhista, viu? 

Passagens, traslados e alimentação

Painel com os voos em aeroporto

Ao solicitar os serviços de uma babá em sua viagem, saiba que será preciso arcar com os traslados, alimentação e passagens.

A legislação deixa claro que quem paga os gastos naturais da viagem é você, ou seja, passagem, acomodações, traslados e alimentação (ao menos café da manhã, almoço e jantar) correm por sua conta. E também visto e outros gastos em uma viagem ao exterior. 

Isso não quer dizer que você deva pagar todo e cada um dos gastos de sua babá, claro. O que ela decidir comprar, como lembrancinhas, por exemplo, correm por conta dela. 

O que a legislação deixa claro é que você deve bancar o necessário para a viagem dela. Extras, são decisão sua. 

No entanto, vale o bom senso. Conversamos com várias mães que já levaram a babá para viajar, e descobrimos que muitas delas encaram como sua obrigação fornecer tudo o que a babá precisa para a viagem. 

Afinal de contas, a viagem é uma necessidade sua. E a babá pode não ter roupas adequadas para o local onde irão, uma mala, passaporte…

Isso fica a seu critério, mas é bom conversar com a babá e verificar, né?  

Dicas para viajar com a babá

Mãe fazendo porta-mala de carro para viagem com criança ajudando.

Selecionamos as melhores dicas de mamães que já viajaram com a babá para ajudar você a ter uma viagem perfeita. 

Viajar com a babá: Faça um termo de acompanhamento

Trata-se de um documento que especifica as condições da viagem, a remuneração da babá e outros detalhes pertinentes. E é essencial! 

Vale colocar os gastos que você cobrirá, os horários de trabalho e tudo o que possa garantir sua segurança futura. 

Converse com sua babá 

Viajar com a babá é uma ajuda e tanto, mas nem tudo são flores. 

Você está inserindo uma pessoa de fora de sua família 24 horas por dia em sua convivência durante esse período. E, não dá para ignorar, isso pode ser complexo. 

É importante bater um papo honesto e educado sobre o comportamento que espera dela no geral, como funcionarão os horários de alimentação, de descanso, como será a viagem (especialmente quando é internacional) e outros detalhes. 

Se a babá conhecer bem o que se espera dela, as chances de ter algum problema são bem menores. 

Atente para a legislação em viagens internacionais

Não são poucos os países que exigem um visto especial para as babás que acompanham famílias em viagens internacionais. E, se não quer correr o risco de que ela seja barrada na imigração, é bom se precaver. 

A internet é uma fonte de pesquisas vasta, mas o melhor é ‘beber da fonte’: Entre em contato com o consulado do país que visitará e tire suas dúvidas. 

O investimento é alto demais para deixar à mercê do acaso, certo? 

Nos horários de refeição

Quem tem crianças pequenas sabe bem como é complicado se alimentar enquanto toma conta dos pequenos, não é mesmo? 

Uma dica boa é alternar o momento com a babá: ela pode comer antes de você, enquanto cuida as crianças e logo você pode ter um café da manhã, ou outra refeição, tranquila. 

O mesmo vale para quando quer sair com amigos, ou só ter um jantar tranquilo. Aliás, não tem nada demais pedir uma pizza para a babá e as crianças e sair para jantar sozinha depois, certo? 

Só não pode esquecer que, se for depois das 10 da noite, tem adicional noturno! 

O descanso da babá

A babá pode trabalhar até 10 horas por dia: as 8 de jornada completa, mais duas horas extras. 

Assim, é preciso que ela tenha 14 horas diárias livres.

É claro que uma parte delas será dedicada ao sono, mas ainda sobram horas para que ela possa descansar e, quem sabe, até passear um pouco. 

Por isso, organize os horários do dia em seu início, deixando algum tempo livre para a babá. 

Você pode alternar manhãs e tardes livres, partir o dia em blocos, liberá-la a partir de certo horário…. Como ficar melhor para você, mas a babá tem sempre que estar de acordo. 

Viajar com a babá deixa suas férias mais tranquilas!

Como você viu, levar a babá para viajar é cheio de vantagens, mas pede investimento e planejamento: as horas trabalhadas são mais caras e é preciso pensar no funcionamento da viagem. 

Isso mesmo, investimento e não gastos: Afinal, ao levar a babá, você estará investindo para que sua viagem seja mais tranquila.

Com tudo certinho e pensado, é só curtir as férias!

E depois que voltar, venha contar para a gente como foi tudo. Você pode ajudar a muitas outras mamães! 

precisa contratar babá?
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on reddit
Share on tumblr
Share on skype
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Crianças dando a mão

Categorias

Posts Recentes

Compartilhe em suas Mídias Sociais

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter

Tags

Posts Relacionados

empresa limpeza

Empresa de limpeza

Se você está buscando informações de como contratar uma empresa de limpeza, esse texto pode te ajudar. Reunimos tudo que você precisa saber sobre a