logo-blog
Search
faxineira

Saiba como uma faxineira pode contribuir para a redução de quadros alérgicos

Índice

A maioria das pessoas sabem que a limpeza de uma casa pode influenciar diretamente na redução dos quadros alérgicos de alguém. A alergia é, em outras palavras, uma resposta do sistema imunológico diante de substâncias que são estranhas para o organismo.

O problema é que essa resposta costuma surgir de maneira exagerada e trazendo alguns incômodos, como:

  • Espirros;
  • Coceiras;
  • Ardor nos olhos;
  • Dor de cabeça;
  • Coriza e alterações na pele.

Os sintomas de alergia costumam aparecer em pessoas geneticamente predispostas, principalmente quando elas entram em contato com fatores alérgenos. Por esse motivo, muitas famílias vão atrás do serviço de limpeza de colchão para evitar ataques alérgicos.

Felizmente, adotando algumas práticas de limpeza, além de prevenir, é possível também amenizar doenças diretamente afetadas por esse visitante indesejado, como rinite, sinusite, bronquite, dermatite e tantas outras que são agravadas por alergias.

Abaixo, listamos algumas práticas que são adotadas pela grande maioria das faxineiras ou donas de casa, que podem influenciar positivamente na alergia dessas pessoas. Confira:

1. Pano úmido para limpar superfícies

Se dentro do ambiente houver alérgicos, é importante evitar vassouras ou espanadores que podem espalhar ainda mais o pó pelo ar. Dê prioridade para os panos úmidos, que podem ser usados para higienizar superfícies como bancadas, mesas e piso.

2. Aspire a casa regularmente

Para que você possa evitar reações alérgicas, crie o hábito de aspirar a casa regularmente. É uma prática que deve ser feita da cortina até os pisos. Um aspirador de líquidos e pó, por exemplo, é uma boa alternativa de limpeza dentro de casa. 

3. Invista em bons produtos para se livrar da poeira

Outra dica interessante é investir em produtos de qualidade para lidar com a limpeza do ambiente. Afinal, quanto mais limpa a casa estiver, menores serão as chances de atacar a alergia das pessoas, e de brinde você ganha uma casa cheirosa.

Uma casa que possui pisos estruturados de madeira merece uma atenção especial para que não possa acumular grandes quantidades de pó e organismos que possam ser prejudiciais para os alérgicos.

4. Mantenha os objetos organizados

Manter o ambiente organizado é uma das práticas mais eficientes para prevenir o acúmulo de poeira. É nessa parte que vemos a importância de evitar muitos itens decorativos.

5. Dê uma atenção especial no quarto

Você provavelmente sabe a importância de ter uma boa noite de sono. O detalhe é que dormir em um quarto com muito pó pode colocar tudo a perder.

É importante que você saiba que os ácaros e o pó amam uma cama, portanto vale a pena dar essa atenção especial para o quarto na hora da limpeza.

Para fazer essa prevenção, troque a roupa da cama regularmente, deixe as janelas abertas para o ar circular, além de realizar a troca dos colchões no prazo determinado pelo fabricante.

Se o seu quarto possuir esquadrias de alumínio portas e janelas, a mesma atenção deve ser aplicada nessas estruturas.

6. Higienize o ar-condicionado

De uma maneira bem direta, entenda que o ar-condicionado é um aparelho que não é recomendado para os alérgicos. Contudo, se você tem esse aparelho por perto e costuma ligá-lo nos dias mais quentes, é muito importante cuidar da higienização dele.

Isso porque a poeira acumulada nos dutos do equipamento tende a gerar crises alérgicas nos moradores. Isso se aplica tanto para aparelhos grandes, quanto para os pequenos.

7. Cuide dos travesseiros e colchões

Uma boa qualidade de sono é capaz de influenciar diretamente na recuperação do organismo, fortalecendo a imunidade e sendo fundamental para a saúde como um todo. Porém, o período da noite para os alérgicos pode ser a pior hora do dia.

Colchões e travesseiros são capazes de acumular ácaros, portanto vale a pena colocá-los para tomar um sol ao menos uma vez na semana. É interessante investir em produtos antialérgicos e utilizar uma capa protetora antiácaro.

8. Evite tapetes e carpetes

Por mais que os tapetes e carpetes sejam higienizados frequentemente, eles ainda podem ser prejudiciais, afinal, esses decorativos acumulam uma grande quantidade de poeira e ácaros.

9. Mantenha a casa arejada

Além de prevenir a casa de desenvolver pontos de mofo, manter a casa arejada é uma forma de prevenir que o lar comece a gerar a proliferação de microrganismos que são inimigos declarados aos alérgicos.

10. Deixe os sapatos na porta de casa

Por fim, a última prática a ser adotada é deixar os sapatos na porta de casa, diminuindo assim o carregamento de poeira, alérgenos e toxinas da rua para dentro do lar.

Conclusão

Neste artigo listamos as principais práticas que você pode adotar ou considerar a ideia de ter uma faxineira para realizar essas tarefas. Afinal, ter essa profissional em um ambiente, nada mais é do que uma garantia maior de uma prevenção de ataques alérgicos.Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Posts Relacionados

pessoa lavando as mãos

Todos os direitos das Empregadas domésticas

  Saber quais são todo os direitos das empregadas domésticas é fundamental antes de realizar uma contratação, isso porque, muitas vezes a sua necessidade não

Oprah Winfrey

7 mulheres empreendedoras e o que aprendemos com elas

Há séculos mulheres empreendedoras inspiram outras gerações com suas histórias de superação, conquistas e lições de vida. Muitas tiveram que lidar intensamente contra as adversidades

pet sitter

Tecnologias que Facilitam o Trabalho dos Pet Sitters

As tecnologias modernas têm transformado significativamente o trabalho dos pet sitters, tornando-o mais eficiente e seguro.  Ferramentas como aplicativos de agendamento, câmeras de monitoramento e