logo-blog
Search
Pet Sitter

Pet sitter a domicílio: Porque esta profissão está crescendo tanto?

Índice

Popularmente conhecido como pet sitter a domicílio, cat sitter ou babá de pet, esse é um tipo de serviço que vem ganhando muita visibilidade e conquistando o coração de tutores do mundo inteiro.

A cada dia que passa as pessoas buscam mais por serviços e produtos que ofereçam bem-estar, conforto e qualidade de vida aos pets.

O que significa pet sitter?

Pet Sitter é uma expressão em inglês que pode ser traduzida simplesmente como “babá de pet”. Historicamente falando, o termo surgiu quando Patti Moran, uma profissional estadunidense, percebeu que os pets precisavam de um cuidado personalizado.

No ano de 1987 ela escreveu seu livro que trouxe pela primeira vez o termo pet sitter para a comunidade de apaixonados por animais.

Em 1994, a primeira e maior associação de babás de pets profissionais do mundo, a Pet Sitters International (PSI) foi fundada. O objetivo era educar e formar profissionais realmente qualificados para oferecer o serviço de cuidado para animais de estimação.

De acordo com o passar dos anos, o trabalho de pet sitter foi ganhando notoriedade na área pet em todo o mundo. Em 1997, a PSI incluiu o termo “pet sitting” no “Random House Dictionary”, definido pelo ato de cuidar de um pet em seu próprio lar quando o dono está ausente.

É importante que esse profissional tenha total atenção e cuidado com o animal e com a casa, para não danificar seu carpete de madeira.  

O que faz um pet sitter?

Um profissional pet sitter a domicílio deve ir até a casa do cliente que o contratou e desenvolver uma série de funções, como:

  • Alimentar;
  • Cuidar;
  • Dar carinho;
  • Dar atenção ao animal enquanto o tutor está ausente.

Esse cuidado personalizado em casa também é muito importante para o pet, principalmente quando se trata de gatos, evitando situações de estresse.

É importante ressaltar que esse profissional precisa passar por um treinamento e entender as necessidades do seu pet para dar todo o suporte que ele precisa.

É preciso tomar cuidado com bordas para piscina para manter os animais seguros e saudáveis. Esteja sempre atento ao contratar um serviço de pet sitter, confiando apenas em empresas consolidadas no mercado pet.

Qual o valor de um pet sitter?

Normalmente o profissional pet sitter fica livre para cobrar o valor que desejar por seus serviços. Em média, a contratação do serviço custa cerca de R$30 por hora, dependendo é claro do animal.

Contando com uma boa clientela e constância na realização do serviço, é possível que o profissional fature de R$2 mil a R$3 mil por mês.

Vantagens de contratar um pet sitter profissional

São diversas as vantagens de contratar um pet sitter a domicílio. Primeiramente evita que o animal passe pelo estresse da mudança de ter que sair de casa.

Não é interrompida a rotina de exercícios e alimentação que o pet já está acostumado e minimiza as probabilidades do pet ficar exposto a possíveis doenças.

Busque sempre profissionais treinados para oferecer um serviço de qualidade ao seu pet, mantendo sempre a aromatização da casa.

O aumento no número de profissionais

O mercado brasileiro de pets está entre os 5 maiores do mundo, de acordo com a pesquisa do Euromonitor Internacional. No ano de 2013 havia mais animais do que crianças no Brasil, com mais de 52 milhões de cães e 22 milhões de gatos.

Como apontado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), no período havia 44,9 milhões de crianças. Com essas informações você já pode imaginar que trabalhar com animais pode render mais dinheiro do que você imagina.

No Brasil a profissão de cuidador de cachorro a domicílio ou pet sitter surgiu em 2010 e só tem crescido, podendo ser uma opção para o dono de um pet que tenha uma empresa de saco biodegradável e precise viajar.

Plataformas como a “Famyle” e o “Dog Hero” facilitam o contato entre cuidadores e donos. Ainda que trabalhar com animais pareça fácil, é preciso ter muita atenção e carinho, como relatam os trabalhadores do setor.

Considerações finais

É fundamental reforçar aqui que a contratação desse serviço deve ser feita por meio de uma empresa que seja referência do segmento do cuidado pet. Afinal de contas, o profissional estará na sua casa, cuidando de um animalzinho que você tanto ama.

Para quem tem uma rotina agitada e viaja com frequência, o serviço de pet sitter com certeza vale a pena e pode ser uma ótima escolha para você.

Quando decidimos ter um animal de estimação é fundamental pensarmos em todos esses pontos, pois passamos a ser responsáveis pela saúde e bem-estar do animal.

Quer contratar um Pet Sitter?

Você quer contratar um Pet Sitter e não sabe por onde começar? Não se preocupe. O Famyle está aqui para te ajudar em tudo o que precisar e garantir que você encontre alguém que encaixe perfeitamente com suas necessidades! Crie uma vaga agora, corre baixar nosso aplicativo e deixe que a gente cuide de você e de sua família! 

Gostou do nosso conteúdo? Então compartilhe!

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Posts Relacionados

pessoa lavando as mãos

Todos os direitos das Empregadas domésticas

  Saber quais são todo os direitos das empregadas domésticas é fundamental antes de realizar uma contratação, isso porque, muitas vezes a sua necessidade não

Oprah Winfrey

7 mulheres empreendedoras e o que aprendemos com elas

Há séculos mulheres empreendedoras inspiram outras gerações com suas histórias de superação, conquistas e lições de vida. Muitas tiveram que lidar intensamente contra as adversidades

pet sitter

Tecnologias que Facilitam o Trabalho dos Pet Sitters

As tecnologias modernas têm transformado significativamente o trabalho dos pet sitters, tornando-o mais eficiente e seguro.  Ferramentas como aplicativos de agendamento, câmeras de monitoramento e