logo-blog
Search
cuidador de idosos particular

Cuidador de idosos particular:  O que é e como encontrar um?

Índice

Encontrar um cuidador de idosos particular não é uma tarefa fácil. Afinal, é uma grande responsabilidade colocar os cuidados de quem você ama nas mãos de uma outra pessoa. Por isso, é importante que todo o processo seja feito da melhor forma possível. 

Todo o processo de envelhecimento, mesmo que seja natural, nem sempre é tranquilo e saudável. Para muitas pessoas, a idade avançada pode trazer diversas doenças e elas podem ser:

  • Crônicas;
  • Agudas;
  • Mentais;
  • Problemas psicológicos;
  • Limitações físicas.

Existem problemas que acabam prejudicando o cotidiano dessas pessoas. Com isso, elas ficam cada vez mais limitadas, sem conseguir sair de casa para comprar uma sacolinha de tnt, por exemplo. Então, torna-se necessário que tenha uma ajuda no dia desses idosos.

Quando os idosos apresentam algum problema de saúde, mesmo que a família deseje permanecer ao lado deles, ainda sim, é preciso oferecer cuidados dessa área para sua companhia, então nem sempre é possível estar presente em todos os momentos necessários. 

Afinal, cuidar dos idosos não é apenas instalar uma rampa de acessibilidade, é importante que eles tenham a devida atenção, cuidado e amor.

Sem contar que algumas pessoas precisam de atenção especial. Com isso, por mais que as famílias queiram, elas não conseguem dar conta de todos os cuidados necessários, tornando essencial a ajuda de um profissional.

É importante que a família contrate um profissional formado e que saiba exercer o ofício de cuidado de idosos, de maneira correta. Além das habilidades técnicas, é importante estar atento a algumas questões.

Caso deseje contratar um cuidador de idosos, saiba que ir atrás de uma fábrica de uniformes para esse profissional é o menor dos problemas. Desse modo, neste artigo, será possível encontrar todas as informações importantes para fazer a escolha certa. 

Quando procurar um cuidado de idosos?

Os cuidadores de idosos têm o intuito de desempenhar diversas atividades com o objetivo de promover o conforto e o bem-estar do idoso. Com isso, é possível atender suas necessidades de forma personalizada. Afinal, cada pessoa tem suas peculiaridades.

Porém, quando um idoso precisa realmente de um cuidador? Bom, existem alguns casos em que essas pessoas possuem algum problema de saúde que limita o seu dia a dia.

Com isso, elas desenvolvem dificuldades para fazer coisas simples, como andar, ir ao supermercado, comprar cortinas de box de banheiro ou qualquer outra atividade que exige um pouco mais de esforço.

Por isso, é importante que tenha uma pessoa durante o dia para ajudar esse idoso a se locomover e conseguir realizar seus afazeres. Assim como já dito, por mais que os familiares queiram ajudar essa pessoa, eles não vão estar disponíveis a todo tempo.

Negligenciar a situação desses idosos pode fazer com que eles piorem ou sofram algum acidente. Afinal, não terá ninguém no local para ajudá-lo, caso aconteça algo.

Além desses casos, existem alguns idosos que precisam apenas de uma companhia, carinho, atenção, alguém para conversar e passar o seu tempo. Afinal, a família não consegue dar toda atenção que ele necessita.

Sendo assim, além de cuidados de saúde, o cuidador também pode exercer algumas outras funções, como por exemplo:

  • Alimentação,
  • Atividades de lazer;
  • Passeios;
  • Exames;
  • Consultas;
  • Interações.

O cuidador de idosos particular irá desenvolver cuidados relacionados a vários âmbitos da vida dessa pessoa, ou seja, se ela praticar fisioterapia aquática, o cuidador será responsável em levá-lo a aula, já que ele está lá para cuidar e zelar pelo bem-estar.

O que verificar ao contratar um cuidador de idosos particular

Como pode observar o cuidador de idoso, é muito importante desenvolver inúmeras funções que exigem confiança. Por isso, é fundamental que faça a escolha certa, para te ajudar a fazer a escolha correta. Então, separamos alguns pontos importantes a se observar.

Além da qualificação profissional, é desejável que um cuidador de idosos particular tenha algumas qualificações, como educação, já que ela é importante para todas as relações, sejam elas pessoais ou profissionais.

Além disso, é fundamental que ele respeite as regras da casa, como os horários e as crenças que a família segue. Isso porque, o respeito é a base de uma boa relação profissional.

Como a rotina dos idosos é um pouco imprevisível, esses profissionais precisam ter flexibilidade de horários, além da capacidade de se adequar a qualquer mudança que for necessária.

Por conta disso, é imprescindível que o cuidador de idosos seja comprometido e tenha um enorme senso de responsabilidade.

Sem contar que esse profissional deve ser muito pontual, tanto ao seu horário de trabalho, quanto ao medicamento e as possíveis consultas, exames sejam de sangue, doppler transcraniano, ultra-sons. Enfim, é preciso estar atento a todos os compromissos.

É desejável que um cuidador de idosos seja bem humorado e paciente. Afinal, ele irá lidar com diversas situações que nem sempre são leves ou tranquilas. Por isso, ele precisa estar preparado para desenvolvê-las da melhor forma.

A proatividade é uma exigência fundamental para um bom cuidador de idosos, pois ele precisa conhecer todas as necessidades e rotina do idoso. Então, é preciso estar atento a eventuais cuidados preventivos.

Por exemplo, se o idoso for buscar um tubo de silicone transparente e acabar caindo e se machucando, esse cuidado precisa cuidar da ferida, evitando assim o sangramento. Com isso, é possível zelar pelo bem-estar dessa pessoa.

As diferentes modalidades de um cuidador

Agora que você já entendeu as qualificações desejáveis para um cuidador de idosos, saiba quais são as categorias que existem para assim decidir qual modalidade se adequa às necessidades do seu familiar.

  1. Cuidador de idosos em casa

Essa é a modalidade mais clássica que é aquele cuidador que irá cuidar do idoso e auxiliá-lo nas tarefas do dia a dia, ou seja, fazer por alguém tudo que ela não consegue fazer devido às suas limitações, desde tomar banho até jogar o saco de papel no lixo.

Com isso, o cuidador dos idosos será responsável por garantir as atividades de vida diárias, além de prestar cuidados paliativos e reportar toda a evolução do quadro dessa pessoa para os familiares e responsáveis 

  1. Acompanhante de idosos e empregados domésticos

Nesses casos, são pessoas que fazem companhia para os idosos, geralmente, elas não sofrem com nenhum problema muito grave, precisam apenas de uma pessoa que fique com elas e ajudem a passar o dia.

Geralmente, esses profissionais são empregadas domésticas que possuem um breve treinamento, e com isso, conseguem auxiliar os idosos que não precisam de cuidados muito complexos.

Sendo assim, esse acompanhante cuida do idoso e da casa. Dessa maneira, ele faz companhia para essa pessoa e auxilia nas tarefas domésticas.

  1. Enfermeiro para cuidar de idosos

Nesse caso, além de uma companhia, o idoso necessita de cuidados médicos. Devido a isso, é importante que o cuidador tenha formação de enfermagem para que ele possa cuidar da maneira correta dessa pessoa.

Com isso, esse profissional saberá exatamente todos os cuidados necessários para a preservação da saúde e o bem-estar desse idoso, pois eles terão formação de nível técnico ou superior.

Antes de contratar um cuidador

Agora que você já sabe tudo que deve ser observado antes de contratar um cuidador de idoso. Então, é importante que esteja atento aos seguintes aspectos:

  • Definir o perfil desejado do cuidador de idosos;
  • Quais serão as tarefas desenvolvidas por esse cuidador;
  • Quais dias e horários serão necessários a presença do cuidador;
  • Modelos de contratação toda a parte trabalhista;
  • Respeitar o tempo do cuidador, ele precisa de folgas.

Com isso, você irá contratar cuidador de idosos qualificado para as suas necessidades, além de claro, respeitar seus direitos e deveres. Afinal, um cuidador de idosos possui direitos trabalhistas como em qualquer outra profissão.

Como contratar um cuidador de idosos particular

Para garantir que esteja contratando a pessoa certa para cuidar do seu familiar, é fundamental que atente-se a algumas exigências mínimas. Afinal, esses profissionais irão passar boa parte do tempo com os idosos.

Por isso, a idade mínima de um cuidador de idosos é 18 anos. Afinal, se for mais jovem que isso pode ser um pouco imaturo e com isso, acabar não tendo a responsabilidade que se espera de um profissional dessa área.

É preciso ter uma formação de cuidador de idosos, nem que seja um curso de pelo menos 80 horas. Existem inúmeros ensinos, mas sempre verifique a instituição e a veracidade do documento, para ter a certeza de que essa pessoa é qualificada para o cargo.

Ter bons antecedentes criminais, que possam ser comprovados através de documentos oficiais. Isso porque, é a segurança do seu familiar que está em jogo.

É importante que ele tenha alguma experiência, nem que seja como estágio ou voluntariado em casa de repousos. Com isso, será preciso ter mais segurança em deixar os cuidados do idoso na mão dessa pessoa. 

Quer contratar um cuidador de idosos particular?

Você quer contratar um cuidador de idosos particular e não sabe por onde começar? Não se preocupe. O Famyle está aqui para te ajudar em tudo o que precisar e garantir que você encontre alguém que encaixe perfeitamente com suas necessidades! Crie uma vaga agora, corre baixar nosso aplicativo e deixe que a gente cuide de você e de sua família! 

Gostou do nosso conteúdo? Então compartilhe!


Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Posts Relacionados

pessoa lavando as mãos

Todos os direitos das Empregadas domésticas

  Saber quais são todo os direitos das empregadas domésticas é fundamental antes de realizar uma contratação, isso porque, muitas vezes a sua necessidade não

Oprah Winfrey

7 mulheres empreendedoras e o que aprendemos com elas

Há séculos mulheres empreendedoras inspiram outras gerações com suas histórias de superação, conquistas e lições de vida. Muitas tiveram que lidar intensamente contra as adversidades

diarista

Critérios para Escolher uma Diarista Confiável

Ao escolher uma diarista confiável para cuidar da limpeza de sua casa, é essencial considerar vários critérios importantes.  Desde a confiabilidade até a qualidade do

enfermeira pediatrica

Enfermeira Pediátrica como Apoio aos Pais

Quando se trata da saúde e bem-estar dos filhos, os pais muitas vezes se encontram navegando em águas desconhecidas, especialmente quando enfrentam desafios médicos.  Nesses