Creche ou Babá: como fazer essa escolha?

Índice

Ser mãe não é tarefa fácil. São inúmeras responsabilidades e decisões que precisam ser tomadas. E que podem impactar diretamente na infância dos seus filhos, assim como também no modo como eles serão na vida adulta. Entre as mais importantes está a de definir com quem deixar as crianças enquanto você está ausente, se em creche ou babá.

Basicamente, existem vários motivos bem como circunstancias especificas que podem levar você a apostar em uma ou outra solução.

Mas, para facilitar sua tomada de decisão e garantir que faça a escolha certa, trouxemos nesse post tudo o que você precisa saber para escolher entre creche ou babá. Quer saber mais sobre o assunto? Então continue lendo!

Creche ou babá – Prós e contras de contar com uma babá

Se você está inclinado em optar pela contratação de uma babá para cuidar do seu filho(a), então antes de bater o martelo, confira a seguir algumas vantagens e desvantagens de contar com essa solução.

Prós

Uma das principais vantagens de escolher contratar uma baba é que ela estará 100% do tempo de trabalho a disposição do seu filho. Ou seja, essa profissional estará pronta para atender a todas as necessidades dele.

Esse é um diferencial importante, principalmente quando se trata de bebês com poucos meses de idade, já que eles costumam precisar de mais atenção nessa fase da vida.

Além disso, como ela está ali para atender a sua criança em particular, você pode ainda a instruir sobre quais hábitos deseja implementar a fim de que ele receba os cuidados de acordo com o que você considera adequado.

Praticidade

Outro ponto bastante positivo na hora de escolher entre creche ou babá é, sem dúvida, o conforto e a segurança de receber o profissional em casa e não ter que transportar o pequeno pela cidade todos os dias.

Ao contratar uma babá, além de não ter que se deslocar, você também evita a necessidade de acorda-lo muito cedo, garantindo mais tempo de sono e descanso para você e para a criança, bem como o poupa de todo o estresse causado pelos barulhos do trânsito.

Menor chance de adquirir doenças infecciosas

Ao contratar uma babá você consegue restringir o número de pessoas que terão acesso ao seu bebê. E, consequentemente, diminui a chance de que ele seja contaminado por doenças infecciosas comuns nessa fase da vida.

Contras

Embora a contratação de uma babá tenha inúmeros pontos positivos, uma coisa é fato: este é um serviço que, dependendo da região, exige um investimento maior.

Isso se dá principalmente pelos encargos trabalhistas vinculados a contratação de um funcionário. como FGTS, 13º salário, horas extras entre outros.

Por isso, antes de contratar uma baba, certifique-se de que o orçamento que disponibiliza para arcar com este serviço comporta esses encargos.

Dificuldade de encontrar um bom profissional

Caso você possa pagar pelo serviço, uma grande dificuldade que terá que superar nesse caso é, sem dúvida, o de encontrar uma profissional qualificada para cuidar do seu bebe enquanto você estiver fora.

Para isso é importantíssimo que você busque e verifique as referências profissionais da profissional e garanta que ela tem afinidade e está preparada para realizar o trabalho com qualidade e segurança.

Nesse caso, uma boa dica é que você acompanhe o trabalho dela por alguns dias antes que a sua licença maternidade acabe e você tenha que voltar ao trabalho, a fim de instrui-la sobre os melhores comportamentos para o seu filho e se sentir segura quanto ao preparo da babá.

Creche ou babá – Prós e contras da Creche

Veja a seguir algumas vantagens e desvantagens que o serviço de creche apresenta. E que você deve analisar antes de tomar sua decisão sobre qual escolher, se creche ou babá. Confira!

Prós

Um dos principais diferenciais da creche é a quantidade de profissionais disponíveis e a preparação de cada um deles.

Geralmente as creches possuem um quadro de funcionários bem completo que contem professores, psicólogos, pedagogos, enfermeiros, entre outros profissionais especializados em lidar com criança de até 5 anos de idade.

Esses recursos são importantes para as crianças mais velhas, que podem se beneficiar tanto da educação oferecida quanto da convivência com outras crianças, fazendo com que ele se desenvolva socialmente desde cedo.

Além disso, dentro das creches eles podem aprender desde cedo a seguir regras e rotinas e terão acesso a atividades e brincadeiras preparadas por profissionais especialmente para desenvolvê-los.

Preço acessível

Quando você faz uma comparação para escolher entre creche ou babá, um dos pontos que pode chamar a atenção é em relação ao investimento. Nesse sentido, dependendo da região onde você mora, a primeira opção costumar ser mais acessível do que a segunda.

Além disso, existe ainda a possibilidade de buscar por vagas em creches públicas que são de graça ou contar com o berçário da sua empresa, caso ela ofereça essa possibilidade.

Contras

Junto a possibilidade de socialização entre crianças e funcionários da creche, vem uma desvantagem importante que é a maior exposição da criança a doenças contagiosos, por conta do compartilhamento de do espaço e de brinquedos entre os pequenos.

Este é um cuidado que deve ser analisado com atenção. Principalmente entre os pais com bebês e filhos mais novos, já que nessa fase o sistema imunológico ainda está em desenvolvimento. E as chances de contrair doenças é muito maior.

Além disso, um detalhe importante e que você deve considerar quando se trata da transmissão dessas doenças é que, caso o seu bebê adoeça é possível que a escola o impeça de frequentar a creche para garantir a saúde das outras crianças.

Com isso, além de ter a saúde da criança comprometida, você ficará impossibilitada de sair, pois terá que cuidar do seu filho(a). E, dessa forma, poderá perder compromissos de trabalho e outras responsabilidades que exijam sua ausência de casa.

Muitos bebes por cuidador

Outro ponto a considerar na hora de escolher ente creche ou babá é a quantidade de bebês sob a responsabilidade de um único cuidador, que pode chegar a até 15 crianças. E, como você deve imaginar, é bem possível que nem todas as necessidades do seu filho sejam atendidas em razão da alta demanda no qual um cuidador em creches precisa focar.

Necessidade de deslocamento

Se você optar por uma creche terá que se preparar para passar um tempo extra no trânsito. Ou então encontrar uma outra forma de levar e buscar seu bebê. Se o local não for perto da sua casa é bem possível que você gaste tempo e dinheiro para fazer isso. Portanto, esses valores também devem ser considerados em sua decisão.

Período de funcionamento

Muitas creches costumam entrar de férias, assim como boa parte das instituições de ensino. Este pode ser um ponto negativo ou positivo a depender do seu perfil e da instituição onde o seu filho está matriculado.

Se você e sua família costumam viajar nesses períodos não ter que pagar pelos cuidados com o seu bebê pode ser ótimo. Mas, se você pretende trabalhar durante as férias escolares é preciso ter em mente que será necessário encontrar alguém para tomar conta dele durante esse período.

Além disso, é importante ter em mente que as instituições particulares costumam cobrar também pelos meses de férias. Desse modo é possível que você tenha gastos dobrados nesses meses, devido a necessidade de pagar a mensalidade e manter uma babá em casa.

Qual é melhor – Creche ou babá?

Como pôde perceber, contratar uma creche ou então uma babá é uma decisão que envolve pontos positivos e negativos. Por isso, não existe uma resposta precisa para definir qual opção é a melhor, já que isso depende de diversos fatores que variam de família para família.

Deste modo, além de analisar todos prós e contras de cada alternativa, é importante que você considere também outros fatores na hora de tomar essa decisão a fim de garantir o melhor para o seu bebê. Entre os principais, estão:

1.    A idade da criança

No caso de bebês menores, o mais indicado é que eles permaneçam na segurança e conforto de casa pelo máximo de tempo possível. Por isso, nas primeiras fases da vida de uma criança, a contratação de uma babá pode ser uma boa opção.

No entanto, a partir de determinada idade, a criança necessita de contato com outros indivíduos da mesma idade, o que pode ser oferecido em uma creche.

2.    A condição financeira da família

A condição financeira da sua família é um fator decisivo na hora de escolher entre essas duas opções. Principalmente devido a grande variação de preços que existe entre elas. Por isso, analise o seu orçamento e veja qual das alternativas se encaixa é mais viável no momento. Ou ainda qual investimento oferece o melhor custo-benefício.

3.    O estilo de vida e organização da casa

Em algumas famílias é praticamente impossível manter a criança em casa. Seja pelo fato de que os pais fazem home office ou por quaisquer outros fatores.

Por outro lado, se a sua casa não possui uma localização privilegiada, isso dificultaria o deslocamento da criança. Então, este também é um fator que deve considerar antes de tomar sua decisão em optar por creche ou babá.

4.    A sua preferência

Por fim e não menos importante, a sua preferência. Como mãe ou pai você certamente saberá o que é melhor para o seu bebê e deve considerar isso na hora de tomar uma decisão.

Caso tenha ficado com alguma dúvida comente aqui embaixo. Aproveite e compartilhe esse post nas redes sociais para que outros pais tenham acesso a essas informações e saibam como fazer a melhor escolha entre uma creche ou babá para cuidar dos seus filhos!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on reddit
Share on tumblr
Share on skype
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Crianças dando a mão

Categorias

Posts Recentes

Compartilhe em suas Mídias Sociais

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter

Tags

Posts Relacionados

empresa limpeza

Empresa de limpeza

Se você está buscando informações de como contratar uma empresa de limpeza, esse texto pode te ajudar. Reunimos tudo que você precisa saber sobre a