7 dicas que você precisa saber para contratar uma cozinheira

Índice

Hoje em dia saber contratar o profissional certo pode fazer toda a diferença na sua família ou na sua empresa e pensando nisso selecionamos para você 10 dicas para você contratar uma cozinheira.

Um dos maiores dilemas de quem tem restaurante é a contração de uma pessoa que trabalha na área da gastronomia, além de ter que buscar um profissional talentoso, é necessário tomar alguns cuidados na hora da escolha. 

Se você quer saber se é o candidato correto para a sua casa ou seu estabelecimento, preste atenção neste artigo, nele você irá aprender 10 dicas fantásticas de como fazer uma contratação de uma cozinheira. Veja a seguir:

1) Fique atento ao histórico e passagens profissionais da cozinheira

Não é de agora que sabemos que a contratação de uma cozinheira passa pelo fato de um candidato ter experiência ou formação na área desejada. 

De acordo com alguns especialistas em RH, pode ser desde uma experiência no passado ou até mesmo um curso que a pessoa tenha realizado para se adequar na área, isso já o torna um candidato possível para a sua vaga.

Sempre verifique as referências do seu candidato, isto é, ligue para a empresa em que ele trabalhou anteriormente e peça referências, afinal, todo cuidado é pouco.

2) Os objetivos do processo seletivo estão alinhados com os objetivos do seu candidato?

Esta dica é importante, às vezes a pessoa tem o perfil perfeito para a vaga de cozinheira, mas o que ela tem como objetivo de vida não está alinhado com os propósitos do contratante.

Converse com o candidato e veja se os objetivos dele se alinham com os seus.  É preciso saber o que está motivando a sua cozinheira a querer ficar nesta vaga. 

3) Ter respeito com autoridade e responsabilidade é determinante no candidato

Este tipo de competência é fundamental para que as atividades sejam cumpridas, a sua candidata a cozinheira tem responsabilidade? Ela respeita as autoridades e as ordens estabelecidas para ela?

Toda cozinha tem um chef de cozinha e tudo deve ser feito de acordo com a orientação dele, isto é, desde de preparar elementos básicos a coisas mais complexas, existem atividades na cozinha que não são tão prazerosas, como lavar a louça e limpar o chão ao final do expediente. 

Seu candidato está disposto a fazer este tipo de tarefa todos os dias? Ele respeita a autonomia de poder que há dentro de uma cozinha?

Trabalhar com alimentos é algo sério, pois está relacionado a saúde, isto é, um alimento que não seja cuidado muito bem, pode deixar muitas pessoas doentes, sua cozinheira tem que ter isso em mente, que ela precisa ter higiene e responsabilidade no manuseamento dos alimentos. 

4) Saber trabalhar em equipe é fundamental

Às vezes o candidato tem um currículo impecável, mas na hora de trabalhar em grupo ele é uma pessoa insuportável, daquelas que arranjam briga por pouca coisa. Você quer este tipo de clima dentro da sua cozinha?

Acreditamos que não, então além de alinhar responsabilidades e objetivos, teste seu candidato para saber se ele consegue exercer uma função que seja coletiva.

Nesta hora é fundamental contar com candidatos que saibam lidar com imprevistos e também estejam dispostos a abraçar os desafios de uma tarefa para que tudo seja cumprido no momento certo. 

5) Como descobrir se meu candidato é habilitado para trabalhar em grupo? 

Faça dinâmicas em grupo na entrevista, na internet tem vários sites de RH que ensinam a fazer dinâmicas, se você preferir contrate uma empresa que possa fazer este serviço para você, assim a escolha será mais profissional e mais certeira. 

6) Aposte em candidatos resilientes 

A resiliência é aliada da responsabilidade, é uma característica fundamental para que o trabalho que precisa ter uma velocidade alta aconteça. 

Ser resiliente é saber se recuperar das dificuldades que podem ter dentro de uma cozinha. E quando a equipe não tem profissionais com esta característica, tudo pode se tornar caótico, por exemplo, a entrega atrasada dos pratos, se queimar algo, não tomar uma atitude no momento para recuperar o tempo perdido e muito mais. 

Você pode verificar a resiliência na entrevista junto com a noção de responsabilidade aplicando um teste ou perguntando o que a pessoa faria em determinadas situações de crise. 

7) Veja se seu candidato é realmente alinhado com o propósito da empresa

Às vezes o candidato não está disposto a fazer determinadas funções e não é aquela pessoa que vai vestir a camisa da empresa, vai fazer fofoca, falar mal dos patrões entre outras coisas desagradáveis que só acontece quando não foi estabelecido na entrevista o que o candidato espera da empresa. 

É importante porque além de ter habilidades técnicas e emocionais para lidar com uma cozinha, o candidato precisa se identificar com a filosofia da empresa, com os valores e objetivos, quando o colaborador gosta do ambiente de trabalho e acredita nos mesmo valores o rendimento é melhor e convivência também. 

Pronto, agora você já sabe qual o caminho trilhar para contratar uma cozinheira, não é mesmo? Pois então, coloque em prática nossas dicas e acerte em cheio no seu candidato, com certeza você terá um futuro brilhante com ele. 

Quer contratar uma cozinheira?

Você quer contratar uma cozinheira e não sabe por onde começar? 

Não se preocupe. O Famyle está aqui para te ajudar em tudo o que precisar e garantir que você encontre alguém que encaixe perfeitamente com suas necessidades! 

Crie uma vaga agora, corre baixar nosso aplicativo e deixe que a gente cuide de você e de sua família! 

Gostou do nosso conteúdo? Então compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on reddit
Share on tumblr
Share on skype
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Crianças dando a mão

Categorias

Posts Recentes

Compartilhe em suas Mídias Sociais

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter

Tags

Posts Relacionados

Cozinheira em São Paulo

Cozinheira 1 vez por semana em São Paulo

Se você busca encontrar uma cozinheira apenas uma vez por semana em São Paulo, esse artigo é ideal para você. Reunimos tudo que você precisa